Mariana e o professor Oswaldo, ambos do LEB

Mariana Ramos Queiroz, pós-doutoranda  e o professor Oswaldo Santos Baquero, ambos pesquisadores do Laboratório de Epidemiologia e Bioestatística (LEB), do Departamento de Medicina Veterinária Preventiva e Saúde Animal (VPA) da FMVZ-USP foram os vencedores do Prêmio Antonio Carini, que tem o objetivo de reconhecer os trabalhos que tenham se destacado na vigilância em saúde e controle da raiva. 

A cerimônia de entrega do Prêmio aconteceu no dia 2 de outubro, ao final do 11º Siminário de Vigilância Sanitária e Controle da Raiva, organizado pelo Instituto Pasteur com o apoio do Ministério da Saúde.

O trabalho “Tamanho, Distribuição e Cobertura Vacinal Antirrábica da População de Cães Domiciliados no Brasil”, orientado pelo professor Ricardo Augusto Dias, foi o vencedor entre 41 trabalhos inscritos nas áreas de microbiologia, epidemiologia viral, saúde coletiva, vigilância, planejamento, educação e legislação em saúde.

O mestre Felipe Rocha, também do LEB, recebeu Menção  Honrosa pelo trabalho  “Construção e Análise de Rede de Morcegos Hematófagos para a Transmissão da Raiva em Propriedades Rurais”, orientado pelo professor Ricardo Augusto Dias.

Foto: Renato Caravieri